quarta-feira, 26 de abril de 2017

"Alok Yawanawá "OU A Força Documentário





Estava vendo uma entrevista do DJ Alok e seus companheiros Zeeba e Bruno , quando ele comentou sobre um documentário que fez na Amazônia que mudou a sua vida.


O documentário seria para captar o som dos rituais indígenas e produzir uma música com a batida eletrônica.




Mas, os 3 dias que Alok e sua produção ficaram na tribo mudou sua vida e seus propósitos para sempre.


Começou já na ida para a etnia Yawanawá  da tribo Mutum no Acre, com o bloqueio da estrada BR-364 por uma outra etnia.


Como os índios sabiam já dessa viagem deixaram eles passarem com seus pertences e ferramentas de trabalho e foram com um comboio deles até a próxima barragem , e mais uma vez passaram até chegarem nas voadoras ( no rio ) que demoraria mais 9 horas de viagem até o seu destino final.




Chegando lá, já foram direto ao alojamento para descansarem e no dia  seguinte participarem da cerimônia.


A indicação dessa tribo, foi do amigo Alberto, da grife Cavalera , que também estava no grupo.




A forma carinhosa e complexa que a tribo recebeu Alok e sua turma, fez com que o DJ ficasse encantado com tudo aquilo que estava vendo, recebendo, ouvindo e sentindo .


Fez também que mudasse o propósito de sua inclusão ali para uma viagem de conhecimento , espiritual, de limpeza de sua alma .


Participou de todos os rituais oferecidos, tomou Ayahuasca , tomou um líquido do sapo , foi pintado várias vezes, colocou apetrechos , dançou, cantou e ouviu tudo o que lhe fora dito atentamente.




O documentário é riquíssimo e muito instigante , nos mostrando a pureza e a beleza da vida indígena , seus hábitos, costumes e alegria de viver.


É uma vida à parte , um mundo á parte , quem sabe bem diferente do nosso .




Gostei muito do documentário e também do DJ, que agora se tornou um grande homem  depois de uma experiência tão rica quanto a que ele viveu.




Valeu a pena !


Eu recomendo !



Nenhum comentário:

Postar um comentário