segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Solistas de Paulínia ou Sinfonia Eroica para pianos e cordas

Em Tournée por algumas cidades do nosso País,  os Solistas de Paulínia com a companhia de Emmanuel Strosser (França) , estiveram no Theatro Pedro II nesse dia 06/12/2010 para um concerto .Trata -se da Sinfonia Eroica de Ludwig van Beethoven (1770-1827 ). Convencionou-se considerá-la como a obra que deu início ao Romantismo na música e o  fato de Beethoven ter-lhe dado o título de Eróica diz muito a respeito de sua natureza e também da natureza de suas sinfonias posteriores. Esta nova tendência na cultura européia , que fazia emergir à  época da Revolução Francesa, revolução inicialmente percebida como a tradução, em termos políticos de uma nova filosofia  , fez com que Beethoven dedicasse  esta obra a Napoleão Bonaparte ( o título original da obra era Sinfonia Bonaparte , posteriormente mudado para Eróica, quando Beethoven percebeu que Napoleão se tornara um tirano ). Segundo o crítico Alemão Paul Bekker, o resumo da obra de Beethoven é a liberdade, a  liberdade política , a liberdade artística do indivíduo, sua liberdade de escolha , de credo e a liberdade individual em todos os aspectos da vida . E a Sinfonia Eróica , criada depois que o compositor passou por uma profunda crise depressiva, desencadeada por sua surdez, representa o primeiro passo neste longo caminho de libertação .

Conversava com uma produtora do evento e  perguntando à ela  como entender um concerto , uma obra clássica e a mesma  me disse que primeiro , devemos saber de que época  foi  essa composição , e  me explicava que cada época tinha uma particularidade seja ela a do Barroco , Romantismo ou até mesmo contemporâneo , mas que qualquer pessoa desde a mais leiga  é capaz de entender  uma obra de sua própria maneira, tentando  identificar alguns sons que  possivelmente já ouviu em algum momento e apenas  sentir  da maneira mais simples possível .

Agora, um trecho  minutos antes da apresentação ,de Emmanuel Strosser , piano ( França )

video

Nenhum comentário:

Postar um comentário